segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Nossas Cegueiras



Todos presos em suas televisões e computadores
Amam o julgamento que podem fazer sem serem julgados,
Essa sensação de poder nos move e nos consome
Ter mais, possuir mais, conseguir mais
Ser o primeiro, ser o funcionário do mês.

Colocam vendas nos olhos,
E acabamos comprando e fazendo coisas que não servem para nada.
Fazemos tudo por uma troca, seja ela consciente ou não.
Mas isso machuca as pessoas, elas não querem se enxergar como monstros.
Afinal somos conscientes, certo?!?

Vejo luzes que iluminam a madrugada,
Uma hora toda essa droga termina,
Tanto esse vinho barato,
Quanto à solidão das horas.

Testo algumas bases na guitarra,
Faço algumas musicas eletrônicas fruity loops
Apenas para distrair e marcar uma sexta sem graça.
Minha vontade era de pegar o primeiro ônibus e viajar para não sei onde.
Minha paciência se esgota com coisas simples,
E tentar encontrar sentidos para as coisas que devem ser feitas, me aborrece.

Mas é assim a vida não.
Um monte de coisas pra fazer e ver, mas temos que pensar em grana e no futuro.


Um comentário:

Senna Pereira disse...

É isso aee manu, as vezes até eu me destraio, fazendo musicas no fruti.
Oq não quero é ver vc assim, sem essa, vai andar, como vc fazia quando eu estava aee, deve ter tanto lugar legal ae na Pg agora né.
Saudadess.

Ocorreu um erro neste gadget