sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Fones para refletir.

Os fones me isolam da multidão,olhares perdidos e assustados com a minha seriedade geram nas outras pessoas um certo receio de se comunicar comigo. Meus vinte anos sempre pareceram bem mais, com pensamentos no futuro, vivo o amanhã, não percebo que o agora esta passando. Desmarco novamente o psicólogo, sinto que não precisava.será?  

Olho os velhos, sinto medo.
Que Diabos vai acontecer comigo?
Tentar prever os erros é burrice?

A minha velha razão fica me alertando que só temos esse tempo para viver e nada mais, isso me frustra sempre.Gostaria de ter tempo para tanta coisa, gostaria de acreditar que existe um lugar( o paraíso), onde as coisas boas estariam reunidas para enfim encontrar-mos a felicidade. Utópico demais para mim.

Mas as pessoas parecem tão mais felizes?
Deus então é isso?
Um pensamento utópico.
Todos gritam tanto, querem atenção de qualquer maneira,afinal ninguém quer ficar só.

Meus fones ecoam musicas altas, afim de distorcer a realidade a minha volta e me transportar para um pouco mais perto de você.



Um comentário:

Pensamentos disse...

Nossos fones amigo,eles sim são meus verdadeiros companheiros...fico com raiva quando a bateria acaba.
por mais q as musicas c repitam,sempre parecem novas para aqueles instantes...
Otimo texto

Ocorreu um erro neste gadget