segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Guerra

" Se não estava bem, destruir tudo o que já fez" Dead Fish- Destruir tudo de Novo.


Gosto do medo,do frio da barriga que me da combustível para transformar tudo o que me cerca e tudo o que vejo. Os ombros pesam, as veias saltam, não tem ar, não  tem água e não há nada a não ser a responsabilidade de mudar o futuro com as próprias mãos.

As coisas fáceis não combinam muito com minha personalidade, não fazem meu estilo. Minhas marcas são de guerra, são de força de vontade, são de determinação, pois eu posso ser o que eu quiser e posso fazer tudo o que eu quiser, inclusive ganhar o teu coração.

Um comentário:

Tábata Borges disse...

- Ei
- ?
- Legal a tattoo ...
- Vlw :D
- O que é ?
- Marca de guerra indígena!
- ... Nossa, legal! :D
- :D

"Minhas marcas são de guerra"

Isso sempre me lembrará esse diálogo . Adorei, porque fez um "link" de uma lembrança com uma frase de impacto !

"[...] Minhas marcas são de guerra, são de força de vontade, são de determinação, pois eu posso ser o que eu quiser e posso fazer tudo o que eu quiser, [...]"

Como um bom capricorniano, nada vem fácil. Tudo é conquistado, tudo é mérito, tudo é luta ! Quero ser capricorniana quando crescer!

"[...]pois eu posso ser o que eu quiser e posso fazer tudo o que eu quiser, inclusive ganhar o teu coração."

Fofo. Me quebrou as pernas quando li no primeiro momento haha . Não esperava nada de conotação "melosa" nesse texto.

Parabéns Duende!

Ocorreu um erro neste gadget